terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

PURA PERDA DE TEMPO

Não é de hoje que nossa Câmara Municipal perde tempo discutindo e votando requerimentos e moções cuja utilidade é nula: na reunião de 1º de agosto de 1900, os vereadores aprovaram uma moção de pesar pelo assassinato de Umberto I, rei  da Itália.  

O rei, cujo nome completo era  Umberto Rainerio Carlo Emanuele Giovanni Maria Ferdinando Eugenio di Savoia foi morto a tiros por um anarquista em 29 de julho daquele ano, aos 56 anos de idade; já havia sofrido um atentado anteriormente.

Mas as coisas não pararam por ai: quando o Presidente Kennedy foi morto, nossos vereadores também aprovaram moção semelhante.  Imaginemos quanto tempo, papel e tinta foram gastos com inutilidades dessa espécie...

Nenhum comentário:

Postar um comentário